Continua após a publicidade..

A rosa-do-deserto (Adenium obesum) é uma planta admirada por muitos devido ao seu caule escultural e bela floração em tons variados que pode surgir o ano todo, desde que haja condições adequadas de luz e calor. No entanto, quem cultiva essa espécie em casa sabe que pode enfrentar desafios para vê-la em flor. Moacir Carnelós, professor do curso técnico de Paisagismo da Etec de Artes, destaca quatro erros comuns que impedem a rosa-do-deserto de florir, oferecendo valiosas orientações para superar tais obstáculos.

A origem da rosa-do-deserto em solo arenoso e bem drenado, aliada à necessidade de substrato com 50% de areia grossa e cuidados específicos com rega e poda, são aspectos fundamentais para o florescimento saudável dessa planta. Além disso, a importância de utilizar adubos e nutrientes adequados para promover o desenvolvimento adequado da Adenium obesum destaca a relevância de conhecimentos específicos para o cultivo eficaz dessa espécie em ambiente doméstico.

Continua após a publicidade..

Como cuidar da rosa-do-deserto para garantir uma bela floração

Origem e características da rosa-do-deserto

A rosa-do-deserto (Adenium obesum) é uma planta encantadora, conhecida por seu caule escultural e bela floração em tons variados. Para garantir que essa espécie floresça adequadamente, é essencial compreender suas origens e características.

Cuidados com o solo e rega

Continua após a publicidade..

Por ser originária de um solo arenoso, bem drenado e pobre em nutrientes, a rosa-do-deserto necessita de um substrato que contenha 50% de areia grossa. Além disso, é importante evitar o excesso de água, pois o encharcamento do solo pode levar ao apodrecimento das raízes.

Podas para induzir a floração

As podas são fundamentais para estimular a floração da rosa-do-deserto. Ao cortar a ponta da planta para promover a brotação lateral, é essencial utilizar uma ferramenta de corte afiada e higienizada. Após o corte, a aplicação de uma substância cicatrizante, como extrato de própolis, auxilia no processo de cicatrização.

Adubação adequada

Os fertilizantes NPK nem sempre fornecem todos os nutrientes necessários para o desenvolvimento saudável da rosa-do-deserto. Recomenda-se o uso de adubo mineral, sendo o cálcio um nutriente importante para prevenir doenças. Fontes como pó de casca de ovo ou farinha de osso são indicadas para suprir essa necessidade.

Principais erros a evitar ao cultivar a rosa-do-deserto em casa

Principais erros a evitar ao cultivar a rosa-do-deserto em casa

1. Substrato inadequado

A rosa-do-deserto é originária de um solo arenoso, bem drenado e pobre em nutrientes. Por isso, o substrato deve conter 50% de areia grossa para garantir as condições ideais de cultivo.

2. Excesso de água

Água demais pode tornar o solo encharcado, levando ao apodrecimento das raízes. É essencial regar a planta de forma equilibrada, evitando o acúmulo de umidade no substrato.

3. Podas incorretas

As podas são necessárias para induzir a floração da rosa-do-deserto. Cortar a ponta da planta para estimular a brotação lateral é fundamental, mas é importante utilizar ferramentas de corte afiadas e higienizadas para evitar danos à planta.

4. Nutrição inadequada

O uso exclusivo de fertilizantes NPK pode não fornecer todos os nutrientes necessários para o desenvolvimento saudável da rosa-do-deserto. Adicionar adubos minerais, como cálcio na forma de pó de casca de ovo ou farinha de osso, é essencial para garantir a nutrição adequada da planta e prevenir doenças.

Dicas para induzir a floração da rosa-do-deserto através de podas e adubação

Poda para estimular a floração

As podas são necessárias para induzir a floração da rosa-do-deserto. Ao cortar a ponta da planta, estimula-se o crescimento lateral. Utilize uma ferramenta de corte afiada e limpa para evitar contaminações. Após a poda, aplique uma substância cicatrizante, como extrato de própolis, e tenha paciência, pois a brotação pode ser um processo lento.

Adubação adequada

Os fertilizantes NPK nem sempre fornecem todos os nutrientes essenciais para o desenvolvimento saudável da rosa-do-deserto. Adicionar adubo mineral é uma prática recomendada. O cálcio é um dos nutrientes importantes para prevenir doenças na planta, podendo ser fornecido na forma de pó de casca de ovo ou farinha de osso.

«
»