Continua após a publicidade..

A busca por plantas que requerem pouca manutenção tem se tornado cada vez mais comum entre aqueles que desejam ter um pouco da natureza em casa, mas dispõem de pouco tempo para cuidados diários. Espécies adaptadas a climas áridos e semiáridos, conhecidas como xeromórficas, são ideais para quem busca praticidade, uma vez que conseguem sobreviver com pouca água devido a suas características específicas, como folhas menores, espinhos ou capacidade de armazenar água em suas estruturas.

Dentre as plantas que podem ser regadas apenas uma vez por mês, há uma variedade de opções que se adaptam bem a ambientes internos e externos, proporcionando beleza e frescor sem a necessidade de cuidados constantes. Com folhas robustas, capacidade de armazenamento de água e resistência à seca, essas plantas são escolhas acertadas para quem busca cultivar um jardim de forma prática e descomplicada.

Continua após a publicidade..

Descubra as plantas que sobrevivem com uma rega por mês: conheça as espécies xeromórficas ideais para o seu lar

Plantas Ideais para Ambientes com Pouca Manutenção

O solo seco não é um grande problema para estas espécies. A busca por plantas que exigem pouca manutenção tem crescido consideravelmente, sobretudo entre aqueles que amam ter um pouco da natureza em casa, mas dispõem de pouco tempo para cuidados diários.

Continua após a publicidade..

As espécies xeromórficas são adaptadas a climas áridos e semiáridos, por isso conseguem sobreviver com pouca água. Em geral, elas possuem folhas menores, espinhos no lugar de folhas ou a capacidade de armazenar água em suas estruturas. Também existem espécies que, apesar de não serem cactos ou suculentas, compartilham da resistência à seca.

Plantas que Podem Ser Regadas Uma Vez por Mês

Pensando nisso, selecionei algumas plantas que você pode regar uma vez por mês, ou seja, que oferecem mais praticidade para o seu lar. Acompanhe!

Espécies Xeromórficas Recomendadas

🌿 Para receber guias completos sobre jardinagem e 100% gratuitos, clique aqui e entre em nosso grupo do WhatsApp.

As folhas longas, grossas e pontiagudas sinalizam uma espécie muito resistente. Além de suportar estiagem, a Espada de São Jorge é capaz de purificar o ar.

As suculentas, de grande, médio ou pequeno porte, são plantas que vivem no deserto. Por isso, estão acostumadas a passar muito tempo com o solo seco.

Depois de fazer uma rega abundante, aguarde algumas semanas – ou até mesmo 1 mês – para regar as plantinhas novamente.

Conhecidas como “plantas aéreas”, as tilandsias não necessitam de solo para crescer. Elas absorvem água e nutrientes diretamente do ar através de suas folhas.

Também conhecida como planta ZZ, a Zamioculca é ideal para ambientes internos, pois se adapta bem às condições de meia-sombra ou sombra.

A espécie é conhecida por sua resistência e pouca necessidade de água. Na verdade, o fator que mais prejudica esta planta é “pesar a mão” na rega, pois molhar demais causa o apodrecimento das raízes.

Também conhecido como babosa-de-pau, o pacová é uma planta robusta que prefere ambientes sombreados e não exige regas frequentes. Portanto, se você molhar o substrato apenas uma vez por mês, a planta consegue sobreviver.

Com folhas pontiagudas e duras, a yucca necessita de pouca água para se desenvolver. Por isso, é a escolha perfeita para quem busca uma planta de fácil manutenção.

A espécie pode chegar a 6 metros de altura, por isso é mais indicada para jardins externos.

Entre as plantas que você pode regar apenas uma vez por mês, considere a pata de elefante como uma opção.

O tronco bulboso desta planta armazena água, por isso ela consegue sobreviver mesmo com poucas regas. É uma opção elegante para decorar interiores e exteriores.

De qualquer forma, não deixe a pata de elefante passar sede. Sinais como tronco enrugado e folhas amarelas sinalizam necessidade de rega.

Existem várias espécies de peperomia e todas compartilham de uma característica em comum: necessitam de pouca água para se desenvolverem plenamente.

Esta planta se destaca por sua fácil adaptação e tolerância à sombra. Com um visual delicado e pendente, é perfeita para compor arranjos de mesa e não exige regas frequentes.

Conhecida como flor da fortuna, o kalanchoe é uma suculenta que armazena água em suas folhas, o que a torna resistente a períodos sem rega.

Este grupo de plantas coleta água entre suas folhas, ou seja, são capazes de formar um reservatório natural. Por isso, cultivar bromélias é uma escolha perfeita para jardins fáceis de cuidar.

Também conhecida como Pachypodium, esta planta tem um aspecto exótico, graças ao seu tronco espinhoso que armazena água.

Sem dúvidas, a Aspidistra é uma das plantas mais resistentes do mundo. Ela tolera não só baixa umidade, como também pouca luz e variações de temperatura.

Para cuidar das plantas que não necessitam de regas frequentes, siga uma regra de ouro: verifique a umidade do solo com o dedo ou um palito de churrasco antes de regar novamente. Permita que o substrato seque por entre as regas.

Além disso, opte por substratos que drenem bem a água, pois isso evita o acúmulo de umidade, que pode levar ao apodrecimento das raízes.

Cultivar plantas que você pode regar apenas uma vez por mês é uma maneira de adicionar um toque verde à sua casa, sem a necessidade de dedicar muito tempo aos cuidados de jardinagem.

Digite seu endereço de e-mail para receber notificações de novas publicações por e-mail. [email protected] Assinar O Casa e Festa reúne ideias para design de interiores, datas comemorativas, decoração de festas, construção, jardinagem, projetos DIY e muito mais. Compartilhamos dicas para o lar, tendências e conteúdo inspirador que ajudam a viver melhor.

Plantas que desafiam a seca: saiba como cuidar de um jardim exuberante regando apenas uma vez por mês

Plantas que desafiam a seca: saiba como cuidar de um jardim exuberante regando apenas uma vez por mês

O solo seco não é um grande problema para estas espécies.

A busca por plantas que exigem pouca manutenção tem crescido consideravelmente, sobretudo entre aqueles que amam ter um pouco da natureza em casa, mas dispõem de pouco tempo para cuidados diários. As espécies xeromórficas são adaptadas a climas áridos e semiáridos, por isso conseguem sobreviver com pouca água. Em geral, elas possuem folhas menores, espinhos no lugar de folhas ou a capacidade de armazenar água em suas estruturas. Também existem espécies que, apesar de não serem cactos ou suculentas, compartilham da resistência à seca.

Seleção de plantas que podem ser regadas uma vez por mês

Pensando nisso, selecionei algumas plantas que você pode regar uma vez por mês, ou seja, que oferecem mais praticidade para o seu lar. Acompanhe!

Espada de São Jorge

As folhas longas, grossas e pontiagudas sinalizam uma espécie muito resistente. Além de suportar estiagem, a Espada de São Jorge é capaz de purificar o ar.

Suculentas

As suculentas, de grande, médio ou pequeno porte, são plantas que vivem no deserto. Por isso, estão acostumadas a passar muito tempo com o solo seco. Depois de fazer uma rega abundante, aguarde algumas semanas – ou até mesmo 1 mês – para regar as plantinhas novamente.

Tilandsias

Conhecidas como “plantas aéreas”, as tilandsias não necessitam de solo para crescer. Elas absorvem água e nutrientes diretamente do ar através de suas folhas.

Zamioculca

Também conhecida como planta ZZ, a Zamioculca é ideal para ambientes internos, pois se adapta bem às condições de meia-sombra ou sombra. A espécie é conhecida por sua resistência e pouca necessidade de água.

Pacová

Também conhecido como babosa-de-pau, o pacová é uma planta robusta que prefere ambientes sombreados e não exige regas frequentes. Portanto, se você molhar o substrato apenas uma vez por mês, a planta consegue sobreviver.

Yucca

Com folhas pontiagudas e duras, a yucca necessita de pouca água para se desenvolver. Por isso, é a escolha perfeita para quem busca uma planta de fácil manutenção. A espécie pode chegar a 6 metros de altura, por isso é mais indicada para jardins externos.

Pata de Elefante

Entre as plantas que você pode regar apenas uma vez por mês, considere a pata de elefante como uma opção. O tronco bulboso desta planta armazena água, por isso ela consegue sobreviver mesmo com poucas regas. É uma opção elegante para decorar interiores e exteriores.

Peperomia

Existem várias espécies de peperomia e todas compartilham de uma característica em comum: necessitam de pouca água para se desenvolverem plenamente. Esta planta se destaca por sua fácil adaptação e tolerância à sombra.

Kalanchoe

Conhecida como flor da fortuna, o kalanchoe é uma suculenta que armazena água em suas folhas, o que a torna resistente a períodos sem rega.

Bromélias

Este grupo de plantas coleta água entre suas folhas, ou seja, são capazes de formar um reservatório natural. Por isso, cultivar bromélias é uma escolha perfeita para jardins fáceis de cuidar.

Pachypodium

Também conhecida como Pachypodium, esta planta tem um aspecto exótico, graças ao seu tronco espinhoso que armazena água.

Aspidistra

Sem dúvidas, a Aspidistra é uma das plantas mais resistentes do mundo. Ela tolera não só baixa umidade, como também pouca luz e variações de temperatura.

Dicas para cuidar de plantas que não necessitam de regas frequentes

Para cuidar das plantas que não necessitam de regas frequentes, siga uma regra de ouro: verifique a umidade do solo com o dedo ou um palito de churrasco antes de regar novamente. Permita que o substrato seque por entre as regas. Além disso, opte por substratos que drenem bem a água, pois isso evita o acúmulo de umidade, que pode levar ao apodrecimento das raízes.

Cultivar plantas que você pode regar apenas uma vez por mês é uma maneira de adicionar um toque verde à sua casa, sem a necessidade de dedicar muito tempo aos cuidados de jardinagem.

Digite seu endereço de e-mail para receber notificações de novas publicações por e-mail. [email protected]

O Casa e Festa reúne ideias para design de interiores, datas comemorativas, decoração de festas, construção, jardinagem, projetos DIY e muito mais. Compartilhamos dicas para o lar, tendências e conteúdo inspirador que ajudam a viver melhor.

«
»